Ouro News

Pirâmides de investimento

quinta-feira, 09 março 2017 by

Em seu núcleo, alocação de ativos é de cerca de dividir sua riqueza em lugares diferentes para reduzir o risco de uma grande perda. Cem anos atrás pode ter significado enterrar algum dinheiro em frascos de Mason ao redor do celeiro, além de esconder o dinheiro em seu colchão e pote de biscoitos. Se a sua casa pegou fogo, pelo menos, o dinheiro enterrado no frasco de pedreiro iria sobreviver.

Eu não estou defendendo colocar dinheiro em um colchão ou em frascos de Mason como uma estratégia de alocação de ativos. O correto é colocar dinheiro no investimento público, tais como fundos mútuos e Exchange Traded Fund (ETF) e como isso se encaixa com outros ativos como sua casa, outro estado real, as empresas, os ativos tangíveis, tais como moedas e arte, banco corporativo restrito e opções de ações e qualquer reivindicação que você tem sobre as pensões dos empregadores, segurança social e de renda anuidade.

Na realidade, ninguém sabe muito bem o que pode acontecer (em relação a economia do brasileiro). Você tem algumas expectativas,  mas na essência, ninguém sabe dizer ao certo o futuro econômico e as consequências da eleição de Donald Trump. Então, talvez, isso é o que dê mais insegurança.

O Trump tem uma visão mais conservadora, mais fechada em prevalecer a economia local, mas em nenhum momento ele falou em seu discurso que acabaria com as relações comerciais no exterior, ou, que mudaria a forma de atuação do estado frente ao comércio exterior.

Devido aos reservatórios das hidrelétricas estarem baixos, a ANEEL implantou a bandeira amarela a partir de novembro. Isso acarreta elevação de R$ 1,50 para cada 100kWh consumidos. A média de consumo de energia das residências brasileiras é de 160kWh/mês o que nos leva a pensar que o peso dessa taxa extra terá pouco impacto nas contas das famílias.

Mas qual o motivo para tanta preocupação? Ocorre que muitas famílias já estão com orçamentos estrangulados, aí acende o sinal amarelo para desajuste e possível início de endividamento. Outro agravante para algumas famílias é a situação de desemprego ou dívidas altas já adquiridas. Daí esse aumento, mesmo que pequeno, terá forte impacto negativo nas contas.

Luiz Augusto V. A. Corrês repassa dicas e orientações sobre como melhor se organizar e planejar os gastos durante o período de bandeira amarela na conta de energia.

TOP